quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

A ameaça que governa em nome da Democracia

UM ESPÍRITO PERVERTIDO e promotor de um totalitarismo disfarçado, de perversão moral, hipocrisia política, de anticidadania, de antidemocratismo e de pornografia homossexual ameaça a dignidade dos cidadãos e famílias brasileiras. Brasileiros, uni-vos, pois uma legião de demônios rompeu os grilhões que os aprisionavam, destituiu Hades de seu trono, subiu dos infernos e já está entre nós! Brasileiros, acordem! Que espírito devasso é este? É o governo sindical-socialista do PT, cuja bandeira é a instalação da "verdadeira democracia", como se esta já não existisse, embora não só exista como não impede os governantes de fazerem as reformas necessárias, exigindo apenas que as façam dentro dos limites estabelecidos pela lei. Essa gente se beneficia da Democracia para trabalhar contra ela. Vale lembrar aquela fórmula já bem difundida: a eleição legítima de um presidente não lhe confere o direito de passar por cima das leis, senão que lhe consagra o dever de salvaguardá-las e fazer valer. É ilegítimo e malicioso o uso da democracia como mero signo verbal para camuflar uma ditadura direta ou indireta, seja pelo emprego da força, seja pelo controle das consciências, como parece ser mais o caso. Brasileiros, levantem-se já e salvem sua dignidade e as virtudes do seio familiar, suas propriedades e o direito de se posicionar e falar contra um governo formado majoritariamente por incompetentes e devoradores do dinheiro público.
Que registrem nossos historiadores em seus compêndios o caos institucional jamais visto em nosso país! Sim, registrem o desejo desvairado de um governo ávido por tirar de seus cidadãos a liberdade! Sim, registrem a sua obsessão desenfreada em cumprir um Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH-3) contra a própria liberdade do estado democrático de direito; suas postulações insanas e equivocadas a respeito do Estado de Israel e contra os EUA; sua relação de amizade pervertida com o ditador iraniano, um louco que prega o terrorismo e o anti-semitismo, e de quebra nega a história do holocausto judeu!
Nunca, na história de nosso país, governo algum insistiu, como o faz o atual, em obrigar os cristãos a aceitarem a pornografia homossexual como algo natural, a institucionalização de uma educação imoral que tira a autoridade familiar e, sob o pretexto de conscientizar, estimula precocemente nas crianças a sexualidade, inclinando-as, por serem ainda imaturas, quando não à promiscuidade, à conduta sexual irresponsável, à compreensão leviana da sexualidade! Estamos diante de uma "nova" ordem nacional em que impera a mais grotesca e tenebrosa insanidade política! Estamos diante de um governo cujos componentes são em sua maioria tolos que se auto-intitulam intelectuais, mas que no fundo não passam, nas palavras de Cristo, de sepulcros caiados, ornados por fora, mas podres por dentro.
Um espírito pervertido ameaça o povo brasileiro. É o espírito da perversão petista, a ameaça à democracia que governa em nome da democracia!

Nenhum comentário: