quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Pai e Mãe, sim! Podemos impedir o autoritarismo dos professores!


UMA BREVE, PORÉM IMPORTANTÍSSIMA ORIENTAÇÃO AOS PAIS...



Todo aquele que tem filho ou filha em alguma escola, pública ou privada, tem consciência em maior ou menor grau de que estamos vivenciando um momento terrível no Brasil: professores sob a custódia do Estado (ou de pseudointelectuais) estão se impondo contra as famílias e contra a saúde mental de crianças e jovens. Eu sou um deles. Eu estou passando por isso. Eu decidi enfrentar isso. Eu realmente desisti de suportar isso!

Muito recentemente fui obrigado a tomar uma atitude, digamos mais enérgica, contra a escola onde dois de meus três filhos estudam: me dignifiquei a ser mais cidadão e resolvi chamar os atos jurídicos simples ao meu favor. Sou grato ao Dr. Miguel Nagibe por isso.

Por este motivo hoje resolvi, com as palavras abaixo, encorajar pais realmente preocupados a erguerem-se para o enfrentamento contra toda e qualquer escola e fazê-la frear o autoritarismo inconstitucional.

Digo-vos, querido pai ou mãe:

HÁ sim uma forma simples e, especialmente legal, de combatermos a doutrinação comunista e a ideologia de gênero praticada nas escolas contra vossos belos e doces filhos. Vamos seguir as sábias e consistentes orientações dos nosso amigos, os incansáveis Dr. Miguel Nagibe e o filósofo mestre Olavo de Carvalho: vamos fazer os professores responder na Justiça, vamos chamar ao nosso favor as próprias leis que existem e que garantem nossa liberdade.
Não adianta batermos boca, nos desesperarmos, irmos às escolas e conversar com outras pessoas. São boas ações, mas que se limitam apenas às nossas opiniões. Tudo isso é muito bom e cativante, mas aos olhos do perversos não passam de blá-blá-blá! Para os inimigos da nossa liberdade, essas ações não lhes preocupam, não lhes assustam. Não lhes tiram o sono. Pelo contrário: fortalece-os. A forma correta, incisiva e produtiva é o caminho que o próprio Estado dispõe: o caminho legal; fazer uso das Leis, especialmente daquilo que já é irrevogável. Os inimigos da decência devem ser chamados à justiça, ao tribunal, a encarar as leis.

Portanto, meus amigos, não tenhamos preguiça e nem qualquer tipo de temor: façamos uso das Leis. Cada grupo de pais deve, como primeiro passo, diante de um caso de doutrinação ideológica, ir ao um cartório registrar uma NOTIFICAÇÃO EXTRA JUDICIAL e entregá-la junto ao professor e à direção da escola onde seu filho ou filha estuda. Essa atitude é verdadeiramente de um impacto produtivo. Os frutos, pai e mãe, vocês colhem de imediato. Falo por experiência própria. Não tardem em realizar essa atitude! 
Meus amigos e compatriotas, não temam! Sejam fortes e bravos! Façam valer as leis contra aqueles que fingem conhecer ou dominá-las!

Para mais informações e orientações consulte o site do ESP, .escola sem partido.org/

Nenhum comentário: